sábado, outubro 15, 2005

Ainda não foi desta

Ora bem, parece que desta já escapei. Com cházinhos e mézinhas, xaropes e antibióticos, cá estou eu, ainda um bocado assarapantada, mas de pé como as árvores. E prontinha para continuar a queimar neurónios com o que por aqui vou escrevendo (por falar em neurónios, quer-me cá parecer que o Tico e o Teco ainda mexem, embora o Teco ande um bocadinho esquisito ultimamente, com umas idéias que... bom... adiante....).



Um muito, muito obrigado a todos os que aqui deixaram votos de melhoras, sabe bem receber esses miminhos... E, para evitar mais desgraças, prometo que nunca, nunca mais me ponho à janela vestida só com a roupinha com que nasci, logo a seguir ao banhinho quentinho (a vizinhança parece que está dividida quanto a este assunto, uns dizem que adoram e babam-se todos, outros quase que morrem de susto... enfim... não se pode agradar a todos, não é?).



Ora portantos, coisa e tal, tal e coisa (não é ESSA coisa, suas mentezinhas depravadas!)... cá vou eu... Ao trabalho, Maria!

4 Comments:

At 2:56 da manhã, Blogger MINETE REAL said...

ups..nao sabia que estavas doentita.
AInda bem que ja recuperaste!
Beijocas e resto de bom fim de semana

 
At 1:06 da tarde, Blogger Maria vai c'as ostras said...

Obrigada, parece que desta já escapei. E obrigada pela visita, volta sempre... Jinhos.

 
At 2:55 da tarde, Anonymous 123de4 said...

O teu mal foi não teres trabalhado antes.. Trabalho dá saúde..:) ( não sei a quem... )
Melhoras!

 
At 4:38 da tarde, Blogger Maria vai c'as ostras said...

123, já pensaste que só se morre de acidente de trabalho? Nunca se morre de acidente de desemprego... Dá que pensar, não dá? Jinhos, obrigado pela visita e volta sempre!

 

Enviar um comentário

<< Home





my pet!


referer referrer referers referrers http_referer
Web Site Counter
Counters