terça-feira, novembro 29, 2005

Porque existe e dói



(clique para aumentar)


Este folheto pode salvar uma vida (quiçá a sua?). Encarar de frente que a violência doméstica existe, que é real e que nem sempre é perpetrada entre marido e mulher (a definição de doméstica pode abranger filhos, enteados...), saber o que fazer e quem contactar pode ser vital quando menos se espera.

Por favor, imprimam-me e divulguem-me. Um dia, uma mulher ou um homem vai agradecer... mesmo que nunca lhe saibam o nome.

Maria, 29/11/2005





my pet!


referer referrer referers referrers http_referer
Web Site Counter
Counters